Prefeitura Municipal de Pium
conteúdo do menu

Prefeitura Municipal de Pium

conteúdo principal
conteúdo principal

Notícia

Por: Pref. Mun. de Pium — Ascom

 

 

O secretário municipal da Criança e Juventude de Pium, Kelvio Luiz, cumpriu agenda de compromissos em Palmas na quinta-feira (11) em busca de parcerias. Na capital tocantinense, o dirigente conversou com a vice-presidente da Agência do Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adtuc), Mounira Hawat, a quem pediu apoio para a implementação de um projeto de profissionalização de jovens de 15 a 29 anos por meio do Sistema S. Na oportunidade, Kelvio sugeriu a criação de cursos de desenvolvimento de websites, diagramação de revistas, produção de conteúdos digitais e gestão de mídias sociais para a divulgação do potencial turístico do município.

 O projeto apresentado à Adetuc também visa à formação de agentes de turismo e educação ambiental para atuar em eventos e na temporada de praia de Pium. Além disso, Kelvio solicitou equipamentos de informática e outros materiais para viabilizar a implementação das ações. Segundo o gestor, Munira comprometeu-se a colocar os assuntos em pauta na próxima segunda-feira (15).

Kelvio falou sobre a importância da iniciativa. “Através desse projeto vamos descobrir talentos digitais e muitas ideias vão surgir. Queremos levar os jovens a usar toda criatividade digital para mostrar todo o potencial do nosso município através das redes sociais, aplicativos e sites”, afirmou o secretário.

Equipe alinhada

Ainda nesta quinta-feira (11), o dirigente da pasta da Criança e Juventude de Pium participou de uma reunião com o subsecretário de Estado da Cidadania e Justiça, Geraldo Cabral, em busca de apoio para desenvolvimento de ações de prevenção e combate às drogas, à gravidez na adolescência e à violência de crianças e adolescentes; e de promoção à ressocialização, dentre outros temas. Na ocasião, Kelvio Luiz também solicitou capacitações para agentes da Secretaria da Juventude, do Conselho Tutelar, da Saúde, Educação e do CRAS envolvidos com atendimento a crianças e adolescentes.

Para o secretário, a capacitação de toda de toda a equipe vai padronizar as formas de abordagem, o acolhimento, a proteção, vai auxiliar a identificar os tratamentos adequados de cada caso, por toda equipe envolvida . “Precisamos falar a mesma linguagem quando o assunto é criança e adolescente “, considerou Kelvio.


GALERIA DE FOTOS